Categoria: Meu Catalão

Meu Catalão

O dia que os trilhos do Catalão pararam…

Pelos trilhos que passam por Catalão, quantas histórias já partiram e chegaram? Quem sabe contar uma delas sem deixar marejar os olhos ao lembrar do começo, das máquinas, de Cornélio? Eu, nascida e criada pertinho desses trilhos, escutando chegar e passar... Reconheço de longe a importância na formação de nossa cidade e da cultura catalana. É o vai e vem desses trens que trazia novidades... Hoje, carrega bem mais que história para outras cidades além Goiás. E, postando essas fotos, pergunto: você um dia imaginou que um prefeito fosse capaz de dar outro...

Destaque

Igreja Cristã Evangélica de Catalão completa 115 anos

Na segunda metade do Séc. XIX ocorreu um grande avivamento evangelístico no Canadá. E em 31 de março de 1895 alguns crentes se reuniram em Toronto para um concílio com o objetivo de evangelizar a América do Sul. Daquele grupo o jovem Reginaldo Young atendeu o chamado de Deus para evangelizar o Brasil. Três anos antes um engenheiro britânico recém formado em Londres, Frederick Charles Glass, desembarcou no Brasil para trabalhar na Companhia de Estrada de Ferro no estado do Espírito Santo e em 1897, agora já trabalhando nas Minas de Ouro de Morro Velho em Minas Gerais ouviu sobre a chegada de um canadense chamado Reginaldo Young contratado como datilógrafo na mesma empresa. Glass...

De um passado glorioso desperta... Catalão vem viver o esplendor!

Catalão 157 anos – Morro das Três Cruzes por Cornélio Ramos

O morro das Três Cruzes, onde hoje se encontra instalado o Terminal Rodoviário, cercado de residências por todos os lados e com seu cume achatado por máquinas de terraplanagem, tinha, à sua frente, três cruzes metálicas revestidas de vidro, voltadas para a cidade e devidamente iluminadas. Foi outrora uma colina deserta, assentada em campo completamente despovoada e bem distante do centro da cidade de Catalão, que, nas primeiras décadas deste século, se agrupava apenas às margens do ribeirão Pirapitinga. Existia em cima do morro uma pequena necrópole denominada Cemitério dos Anjos, destinada ao sepultamento de crianças, sobretudo pagãs, que morriam, muitas vezes sem nomes e sem sacramentos. Contam os antigos que, no tempo em que era vigário da paroquia...

Meu Catalão

CATALÃO da E. F. GOIAZ Município de Catalão, GO

A ESTAÇÃO Já existia uma estação em Catalão desde o ano de 1913, no ramal Goiandira-Catalão-Ouvidor, da E. F. Goiaz. Essa estação foi desativada quando a linha da RMV chegou à cidade em 1942, para fazer a ligação Monte Carmelo-Patrocínio-Ouvidor e ligar Goiandira a Angra dos Reis através da linha-tronco da RMV. Catalão e toda a linha nova até Goiandira passam a fazer parte da RMV. A estação e a linha foram inauguradas oficialmente dois anos depois: "Em 11 de fevereiro de 1944, com a presença dos chefes de governo mineiro e goiano, representantes dos Srs. Ministro da Viação e Diretor Geral do Departamento Nacional de Estradas de Ferro e altas autoridades federais e estaduais, foi oficialmente inaugurada a linha...

Projetos Culturais

Morrinho de São João por Ivan Corrêa

Morrinho de São João… (autor Ivan Corrêa). Catalão, Morro de São João, eternal morrinho da Saudade. Marca qualquer coração, que displicentemente o dono, em ti, puser o olho. É amor à primeira vista! Ocupas mais de mim do que sabe. Na tua noite tantas frases de amor foram ditas a moças enamoradas. Tantos já foram no teu alto para consertar o coração, desceram extasiados de beleza e sossego! Quando parto, furto tua imagem e levo comigo. Guardo no bolso de esconder preciosidades, levo na mente que guarda os amores. Quando te olho calado é do amor por ti que estou falando no olhar! Vives aí cravado, e andas em tantas partes; nos devaneios dos teus filhos que partiram. És de terra e fazes água nos olhos dos mais sensíveis. Não és apenas uma porção de terra e pedra, tens alma e admiração...